Mesmo com as chuvas, obras na Estrada da Graciosa seguem em ritmo avançado
23/01/2023 - 16:42

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) permanece avançando nas obras de recuperação da Estrada da Graciosa (PR-410), no Litoral, mesmo com as chuvas frequentes atingindo a região. O sistema pare-e-siga do km 7 ao km 8, onde as máquinas e serviços ocupam parcialmente a pista para recuperar os aterros danificados, deve continuar nas próximas semanas.

No km 7, onde escorregamento de terra e rompimento da contenção abaixo da pista chegaram a danificar o pavimento, já foram executadas 20% das colunas previstas do “jet grouting”, que ajudam a consolidar o solo e melhoram a estabilidade do local.

Após a conclusão destes serviços será recuperada a cortina atirantada, dispositivo de contenção do talude, com retirada do material danificado, e execução de novos tirantes (estacas de metal firmadas com calda de cimento) e reforço da estrutura de concreto no local, além de implantação de drenos profundos para lidar com as águas das chuvas.

No km 8, onde o escorregamento foi acima do pavimento, está sendo feito a limpeza e retaludamento do local danificado, bem como vala para drenagem de crista do talude. Nesta quinta-feira iniciaram os serviços de perfuração dos pontos em que serão instalados os chumbadores, também chamados de grampos, para posterior aplicação de tela de alta resistência e revestimento com solo grampeado verde, além de uma geomanta para concluir a proteção do talude.

Outro ponto, o km 12, deverá receber serviços semelhantes após o término dos dois primeiros segmentos. Já nos km 11+200 e km 11+600, atingidos por escorregamentos de terra mais recentemente, permanece sendo realizado o monitoramento com instrumentação, para detectar movimentos do talude, e também foi instalada uma lona no km 11+600, para proteção contra a chuva. Os projetos para recuperação destes dois pontos estão sendo elaborados.

 

CHUVAS – A histórica Estrada da Graciosa está em obras desde o dia 13 de dezembro, tendo sido atingida por escorregamentos de terra no final de novembro, no km 7, km 8 e km 12. A rodovia chegou a ser interditada completamente enquanto eram realizados análises e monitoramentos da estabilidade dos taludes danificados.

Outros dois escorregamentos atingiram a rodovia, no km 11, no início de janeiro, levando a novo bloqueio para garantir a segurança dos usuários, enquanto os taludes eram avaliados. O tráfego foi liberado alguns dias depois.

O DER/PR permanece monitorando todos os trechos com taludes danificados, e alerta que, diante de um grande volume de chuvas, bem como qualquer alteração na condição das encostas, pode haver novas alterações de tráfego na Estrada da Graciosa visando garantir a segurança dos usuários.

A recomendação é que os motoristas sigam com extrema cautela nestes locais, em velocidade reduzida e respeitando a sinalização de emergência. Nos períodos de chuva, devem utilizar a rodovia somente em caso de extrema necessidade.

 

Operação na Estrada da Graciosa:

Operação pare-e-siga do km 7 ao km 8, das 07h às 18h.

Pista simples com barreiras de concreto e sinalização no km 11+200 e km 11+600.

Bloqueio total nos demais horários, do km 6 ao km 16.

GALERIA DE IMAGENS

Últimas Notícias