Gerenciamento de Resíduos Sólidos

Ferroeste segue os procedimentos padrão adotados no setor de transporte ferroviário para a gestão e o descarte de resíduos sólidos.

Os descartes gerados pela oficina de manutenção, tais como filtros, panos, estopas usadas, areia, papel contaminados com óleo são acondicionados em tambores de 200 litros. Mensalmente, uma empresa especializada faz o recolhimento especializado para dar destinação correta.

Os terminais privados instalados nos complexos ferroviários de Cascavel e de Guarapuava, cujas operações geram resíduos sólidos, também são responsáveis pela separação, tratamento e destinação do material gerado por meio de sua atividade.
Recomendar esta página via e-mail: